Réplicas de uma proteína infectada com o SARS-CoV-2 (coronavírus) e do vírus ao fundo. Imagem: NIAID

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal, por meio do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Distrito Federal (Cievs-DF), informa que está monitorando um viajante procedente da África do Sul que desembarcou em Guarulhos no dia 27 de novembro, com posterior voo para Brasília. O voo é o mesmo em que estava o outro caso confirmado de covid-19 identificado em São Paulo.

O viajante realizou teste para Sars-Cov-2 no dia 29 de novembro no Laboratório Central de Saúde Pública do Distrito Federal (Lacen-DF), o qual apresentou resultado detectável. Trata-se de um homem, da faixa etária entre 40 e 49 anos, que recebeu 3 doses de vacina. O caso permanece assintomático e o viajante está em isolamento domiciliar, desde a chegada à capital.

O Lacen-DF já iniciou as análises para sequenciamento genético da amostra, com o objetivo de verificar se trata-se da variante Ômicron. O prazo para conclusão do exame é de quatro dias. O Cievs-DF permanece monitorando o caso.

Até o momento não há caso confirmado de infecção por covid-19 com a variante Ômicron no Distrito Federal.

*Com informações da Secretaria de Saúde

Fique por dentro do que acontece em Brasília

Receba atualizações semanais.

Relacionados

Pfizer entrega mais 1,8 milhão de doses de vacina pediátrica no dia 24

O Ministério da Saúde anunciou a antecipação de mais um lote de…

Adolescente morre em acidente entre carro e caminhonete na BR-080, no DF

Jovem, de 17 anos, estava no banco do passageiro e morreu no local. Acidente foi por volta das 12h deste domingo (16), sentido Brazlândia. Motorista, de 19 anos, está em estado grave; condutor de caminhonete não se feriu.

Começa a testagem gratuita de covid-19 nas farmácias do DF

Responsáveis por 22 farmácias já retiraram, na Secretaria de Saúde, os kits para fazer testes