Foto colorizada do SARS-CoV-2, o coronavírus. Imagem: NIAID

A Secretaria de Saúde do DF identificou seis pessoas infectadas com a variante B.1.671.2 do Sars-Cov-2, conhecida como variante Delta, detectada inicialmente na Índia. Entre eles, estão moradores de regiões que registram o maior número de infectados na capital, como Plano Piloto e Ceilândia.

A nova variante preocupa epidemiologistas por ser considerada mais transmissível em comparação com as demais no país.

A variante foi encontrada em amostras analisadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública do DF (Lacen-DF), entre pessoas que vivem em quatro regiões:

  • Asa Norte
  • Ceilândia
  • Planaltina
  • Sobradinho

Identificada inicialmente na Índia, a cepa já foi detectada em 104 países, com expectativa de dominar os casos de coronavírus no mundo ’em breve’, segundo a OMS.

Em um artigo publicado na revista científica “Eurosurveillance”, pesquisadores ligados à entidade e ao Imperial College London apontam que a variante delta foi a que teve o maior aumento na taxa de reprodução em relação ao coronavírus original.

Não há confirmação, no entanto, que a cepa seja mais letal ou provoca casos mais graves que as demais. Até esta terça-feira (20), o Ministério da Saúde somava 110 casos da delta no Brasil. Veja abaixo:

83 – Rio de Janeiro
13 – Paraná
6 – Maranhão (navio que ficou parado na costa do estado)
1 – Minas Gerais
2 – Goiás
3 – São Paulo
2 – Pernambuco

Fique por dentro do que acontece em Brasília

Receba atualizações semanais.

Relacionados

Covid-19: Saúde anuncia esforço para aumentar a vacinação da segunda dose em grupos com mais de 70 anos no DF

A partir de 15h desta sexta-feira (30) será aberto o agendamento de mil vagas para pessoas com comorbidades, cuja vacinação ocorrerá domingo (1º) e segunda-feira (2) na Praça dos Cristais

Com previsão de mais 150 mil doses, Ibaneis anuncia vacinação a partir de 30 anos

Doses da vacina devem chegar ao DF neste fim de semana. Expectativa do governador é baixar a faixa etária do público-alvo na semana que vem

Falta de energia atinge área rural nesta sexta (30)

Ainda no Paranoá, o Núcleo Rural Boqueirão ficará sem energia das 9h às 16h30, afetando as chácaras Canaã, Preciosidade e Oriente